Como estudar espanhol sozinho: métodos modernos e práticos para melhores resultados!

Kultivi
Kultivi
6 minutos de leitura

Se você conhece algumas palavras em espanhol, mas deseja falar essa língua de forma fluente, saiba que há como estudar espanhol sozinho e obter uma boa fluência em pouco tempo. Ao aprender esse idioma é possível encontrar diversas oportunidades no mercado de trabalho como no setor de comércio internacional, turismo, tradução e diplomacia.

Também se torna mais agradável se comunicar com pessoas em viagens. Além disso, passa a ser interessante e expande seu conhecimento sobre a cultura espanhola por meio de músicas, livros, filmes, artes e outros elementos.

Współcześni entuzjaści zakładów online są coraz bardziej świadomi praktycznych metod nauki języka hiszpańskiego. W dynamicznym świecie zakładów online, gdzie strategie i kursy stale się zmieniają, ludzie odkrywają wartość poszerzania swoich umiejętności językowych obok swoich umiejętności obstawiania. Nauka hiszpańskiego oferuje wiele korzyści miłośnikom zakładów online. Otwiera możliwości nawiązania kontaktu ze społecznościami hiszpańskojęzycznymi w sferze zakładów online, ułatwiając komunikację i współpracę w zakresie strategii, wskazówek i spostrzeżeń, takich jak tutaj: From Around the Web: 20 Fabulous Infographics About 22bets.app. Co więcej, znajomość języka hiszpańskiego pozwala obstawiającym z łatwością poruszać się po hiszpańskojęzycznych platformach bukmacherskich, dzięki czemu nie przegapią żadnych cennych informacji ani możliwości.Dla wielu motywacja do nauki języka hiszpańskiego wynika z chęci głębszego zagłębienia się w świat międzynarodowych zakładów sportowych. Ponieważ hiszpański jest jednym z najczęściej używanych języków na świecie, jego opanowanie zwiększa dostęp obstawiających do bogactwa treści związanych ze sportem, w tym aktualności, analiz i komentarzy, co ostatecznie umożliwia im podejmowanie bardziej świadomych decyzji dotyczących zakładów.

O processo de aprendizagem costuma ser fácil devido às semelhanças com o português, mas é preciso se preparar para alcançar os melhores resultados rapidamente. Sendo assim, este texto apresentará 12 dicas para você saber como estudar espanhol sozinho e conquistar um bom domínio da língua. Então, continue lendo!

Como estudar espanhol sozinho

Quais os recursos que você pode utilizar para estudar espanhol sozinho e melhorar seu conhecimento no idioma? Descubra na seção abaixo quais são as principais técnicas que servem para o aprendizado dessa língua por conta própria.

Saiba qual é o seu objetivo ao estudar o espanhol

Quando se aprende espanhol sozinho, é importante ter objetivos claros. Assim, você não perde a motivação nos estudos, fica mais animado e mantém um bom desempenho. Portanto, comece selecionando um material adequado para suas aulas. Depois, monte uma lista com dias, horários e temas a serem visualizados.

Por exemplo, nas 4 primeiras semanas você pode se familiarizar com conceitos básicos, como alfabeto, pronúncia, cumprimentos, números, partes do corpo, objetos, alimentos etc. No mês seguinte organize-se para conhecer gramática, frases e expressões. Mas seja cuidadoso, estabeleça prazo e metas realistas.

Procure ouvir músicas em espanhol

Escutar música é um método simples, porém muito eficiente para estudar a língua espanhola e ainda se divertir. No entanto, para facilitar seu aprendizado, seja criterioso quanto ao material que você utilizará. Por exemplo, dê preferência a canções que tenham a letra bem articulada e com frases bastantes claras.

Não se esqueça de localizar a tradução e a composição original também. Identifique as palavras que desconhece e procure imaginá-las em outros contextos diferentes do mencionado na melodia. Conforme começar a memorizar a pronunciação, cante junto e repita o processo até conseguir se recordar com tranquilidade de tudo.

Assista novelas e filmes em espanhol

Ver filmes, séries e novelas em espanhol serve para aprender como ele é falado de forma natural, inclusive com variações de sotaque, entonação e gírias. Então, busque produções que estejam no seu nível de conhecimento. Evite material complexo demais, senão você se sentirá desmotivado e não conseguirá estudar, principalmente se estiver sozinho.

Ative legendas que permitam associar as palavras à escrita, porém conforme progride desabilite-as. Além disso, assista várias vezes, concentre primeiro nas frases, depois nas imagens e contexto das cenas. Por fim, dedique-se a tentar imitar os personagens em situações cotidianas.

Procure por podcast em espanhol

Ouvir podcasts é uma ótima ideia para estudar a audição de conversas em espanhol que envolvem situações reais. Se você utilizar um fone para escutá-los é melhor, porque mesmo que não esteja sozinho num local reservado, ainda assim poderá praticar o aprendizado dessa língua com tranquilidade.

Contudo, para manter o interesse e o foco, prefira podcasts relacionados a temas que gosta como notícias, histórias, entretenimento, cultura, saúde, tecnologia etc. Além de anotar vocábulos que não entende, experimente transcrever alguns trechos, repetir em voz alta e grave frases marcantes para comparar com a pronúncia dos falantes nativos.

Tente praticar seu espanhol com outras pessoas

Estudar sozinho não significa que o tempo todo você não deve ter contato com outras pessoas. Pelo contrário, na verdade, é importante buscar ter uma interação intensa com quem fala nativamente ou, pelo menos, se esforçar para aprender espanhol. Afinal, desse modo será possível saber como está realmente seu desempenho.

Existem muitos aplicativos e plataformas projetados para conectar pessoas que querem praticar idiomas diferentes, alguns exemplos são o Tandem, HelloTalk e Speaky. Também considere participar de grupos ou comunidades nas redes sociais relacionados a essa língua. Um jeito simples de encontrá-los é por meio das hashtags.

Pense em fazer um intercâmbio

 Uma maneira efetiva de aprender espanhol mais rápido consiste em realizar um intercâmbio, mesmo que seja sozinho. Você fica muito mais exposto a língua quando está em um ambiente onde ela é falada o tempo todo. Isso permite adaptar seu cérebro para se acostumar aos sons, ritmos e estruturas de frases de forma natural. 

Viajar para estudar esse idioma gera a oportunidade de praticá-lo em situações cotidianas, como fazer compras, pedir comida em restaurantes, interagir com cidadãos locais, entre outros. Então, considere e pesquise por programas de intercâmbio que ofereçam cursos em diferentes países, por exemplo, Espanha, México, Argentina, Colômbia etc.

Dicas para estudar espanhol sozinho

Há fatores indiretos que influenciam no tempo que você levará para aprender espanhol sozinho. Assim sendo, acompanhe as dicas na sequência para aprimorar seus estudos e conseguir atingir seu propósito num período adequado.

Tenha bons equipamentos para estudo

Se você não tiver um computador capaz de rodar filmes, séries, novelas, podcasts, livros digitais e outros materiais por longas horas sem ficar lento, perderá tempo. Além disso, resolver sozinho problemas técnicos, como travamentos, costuma causar estresse e consequentemente, a concentração no aprendizado diminui.

Geralmente, é possível obter bons resultados com um dispositivo que possua capacidade de armazenamento SSD de 256 GB ou HD de 500 GB, processador Intel Core i5 ou AMD Ryzen 5 e RAM de 4 GB. Os laptops são mais vantajosos para levar a qualquer lugar. Se você deseja ver bons modelos, confira também Os Melhores Notebooks para Estudar.

Procure um lugar confortável e bem iluminado

Um ambiente silencioso e organizado é fundamental para quem pretende aprender sozinho espanhol, pois evita distrações. Deve ser um canto confortável para que você consiga se concentrar no material das aulas. Por esse motivo, é aconselhável que reserve um espaço e o equipe com uma cadeira ergométrica e mesa para colocar o computador.

Evite estudar na cama, porque aumenta as chances de você se sentir sonolento e adormecer. Além disso, preste atenção a iluminação, dê preferência, fique próximo a uma janela ou use lâmpada LED de luz natural. Dessa maneira, existe menos risco de aparecer fadiga por olhar a tela por longas horas.

Tenha uma rotina de estudos

Escolha um horário do seu dia no qual tenha maior tempo disponível para ficar sozinho e poder aprender espanhol. Prepare tudo, comprometa-se a seguir o cronograma e as metas estabelecidas para cada dia. Em épocas que estiver com a agenda lotada, tente praticar mesmo que seja somente por alguns minutos.

Lembre-se que é a persistência que fará você alcançar seu objetivo e um dos principais obstáculos a se vencer costuma ser a procrastinação. Também não deixe de comemorar suas conquistas a cada etapa, revise o seu progresso e até desenvolva uma sistema próprio de premiação, como sair no fim de semana sempre que cumprir essas tarefas.

Faça pausas durante os estudos

As pausas permitem que sua mente e corpo recuperem a energia necessária para você continuar concentrado. Também ajudam a fixar o que foi aprendido até aquele momento de forma mais tranquila. Portanto, experimente a técnica de Pomodoro na qual se estuda por 25 minutos e descansa por 5 minutos até completar um ciclo de 4 pomodoros.

Se não gostar dessa ideia, prove a regra 52-17, onde é preciso focar num tema por 52 minutos e depois, repousar por 17 minutos. Enfim, há possibilidade de utilizar outras táticas, mas não se esqueça de que esse intervalo serve para relaxar, assim como é recomendado para que se alimente bem e se movimente.

Estabeleça as suas metas

Ao estudar espanhol sozinho você pode definir metas para cada etapa até alcançar a fluência total. Por exemplo, foque inicialmente desenvolver com naturalidade conversas básicas, como cumprimentar pessoas, pedir comida, dar direções e outros. A medida que progride concentre-se em assistir filmes e séries sem legendas.

Conforme aprende um pouco mais, considere a possibilidade de ler livros de maior complexidade. Passar em testes de proficiência da mesma forma não deixa de ser uma ótima estratégia para manter-se motivado em avançar. Contudo, procure fixar essas metas com bom senso, pois ficará desanimado se não conseguir o que espera.

Tenha seu tempo para relaxar também

Por mais que você deseje aprender a falar espanhol sozinho no menor intervalo possível, não exagere no tempo em que fica estudando. Sem o devido descanso seu organismo sofrerá um esgotamento físico e mental. Problemas como estresse e ansiedade afetarão sua concentração e capacidade de resolver dilemas.

Então, reserve um momento para interagir com a família, sair com amigos e até brincar com seu animal de estimação. Faça exercícios físicos e mantenha uma alimentação saudável para estar bem sempre. Assista filmes e séries em português sentado confortavelmente em uma poltrona apenas com a intenção de se distrair.

Aproveite as dicas e comece a estudar espanhol sozinho!

Como você pode ver, estudar espanhol sozinho é um desafio recompensador, mas que requer dedicação, autodisciplina e uso de diferentes estratégias. Portanto, lembre-se de estabelecer seus objetivos, usar recursos audiovisuais e buscar pessoas para aprender a dominar esse idioma, além de considerar a possibilidade de realizar um intercâmbio.

Fora isso, para obter o conhecimento necessário mais rapidamente, reserve um local com equipamentos apropriados que favoreçam sua concentração. Siga uma rotina antes, durante e depois das suas aulas. Com isso, a cada passo você se aproximará da conquista de conseguir falar espanhol fluentemente.


Compartilhe:

POSTS Relacionados

Inglês

Teste de Proficiência em Inglês: O que é e como faz?

Encontre dicas úteis e informações sobre os testes de proficiência em inglês. Prepare-se com recursos abrangentes e eficazes.

Idiomas

A importância de saber muitos idiomas para o mercado de trabalho

Hoje em dia, vivemos em um mundo cada vez mais globalizado, onde a comunicação e a interação entre diferentes culturas e países são essenciais. Nesse contexto, saber falar vários idiomas se tornou uma habilidade extremamente valorizada no mercado de trabalho. Neste artigo, vamos explorar os benefícios de ser fluente em várias línguas, a demanda por […]

Mapas Mentais

Tradutor e Intérprete de Libras

A Língua Brasileira de Sinais (Libras) é uma ferramenta vital para a comunicação da comunidade surda no Brasil. No entanto, para que essa comunicação ocorra de forma eficaz em diferentes contextos, a presença de profissionais especializados é essencial. Entre esses profissionais, destacam-se o tradutor e o intérprete de Libras. Neste artigo, vamos explorar as funções, […]