Dicas de inglês com música - Professor Rui Ventura | Kultivi

Dicas de inglês com música – Professor Rui Ventura | Kultivi

Isabela Rabel
Isabela Rabel
5 minutos de leitura

Aprender um novo idioma pode parecer complicado quando não se tem as ferramentas corretas. 

Se você está acompanhando este artigo é porque quer se aventurar e conhecer mais sobre como aprender inglês de forma prazerosa e musical. 

Nós da Kultivi queremos embarcar com você nessa jornada e vamos trazer aqui algumas dicas do mestre Rui Ventura para que você possa aprender o idioma de uma maneira mais divertida.

Aprender inglês com música é uma ótima forma de começar a usar o idioma. É uma maneira divertida e fácil de aprender o básico e pode ajudá-lo a melhorar suas habilidades de pronúncia.

Muitas pessoas tentaram aprender inglês com música e descobriram que é uma ótima maneira de começar a usar o idioma.

O professor Rui Ventura é um exemplo. Ele começou a aprender inglês com nada mais nada menos que Bon Jovi. É isso aí, nosso mestre começou sua jornada na língua inglesa através de uma música incrível. 

Mas não para por aí não, muitos hits de Bon Jovi, auxiliaram o professor nesse caminho autodidata de aprender inglês com música. 

Não é incrível isso?

Gírias, expressões idiomáticas, curiosidades, frases do dia a dia, muitas são as coisas que se pode aprender em inglês utilizando músicas. Tudo isso pode acontecer de forma fácil e divertida, ajudando no desenvolvimento do seu vocabulário e das suas habilidades de pronúncia. 

Quer saber mais sobre como aprender inglês com música? Então continue lendo esse artigo. 

Mas afinal, quem é Rui Ventura?

O professor Rui Ventura nasceu em Curitiba, mas cresceu numa pequena cidade do litoral paranaense chamada Matinhos.

Ele sempre sonhou em aprender inglês para entender as letras das músicas que gostava. Contudo, sem condições financeiras e sem oportunidade na cidade onde morava, sua força de vontade falou mais alto que suas dificuldades.

 A primeira música que ele traduziu, com o auxílio de um dicionário bem simples, foi  Runaway da banda Bon Jovi. E depois dessa não parou mais, vieram outros e mais outros hits musicais. 

Aos 15 anos Rui Ventura já tinha um vocabulário considerável, além de uma habilidade de comunicação bem interessante. Assim ele resolveu abrir uma turma de inglês dentro de uma escola de informática e lá começaram seus primeiros alunos e sua história como professor de inglês que dura mais de 20 anos. 

Quais são os benefícios de aprender inglês com música?

Nem sempre conseguimos manter a motivação lá em cima quando estamos aprendendo um novo idioma, por isso buscar alternativas que proporcionem momentos de prazer e entusiasmo podem tornar a assimilação do novo idioma mais fácil, como a música, por exemplo. 

Mas antes de sair por aí acessando sua playlist, saiba que para que seu aprendizado em inglês com música seja realmente efetivo, é importante, primeiramente, entender alguns pontos. 

Quando falamos em compreender um novo idioma é necessário entender que existem algumas habilidades a serem trabalhadas: audição, fala, escrita e a leitura (no caso do inglês: listening, speaking, writing and reading). 

Essas quatro habilidades coexistem e trabalham em pares, ou seja, para que você fale muito bem o inglês é necessário que você escute muito também. 

Para que esse processo fique mais claro, vamos entender como aprendemos a nossa língua materna. 

Na aprendizagem do Português nós começamos a nos relacionar com a língua apenas ouvindo, não nascemos falando, não é mesmo? Passado um tempo, quando nossa parte cognitiva já amadureceu um pouco, começamos a compreender que os sons que nossos pais emitem fazem parte de um sistema linguístico e a repetição nos ensina.

Mesmo que a criança ainda não fale, ela compreende algumas ações como “não coloca na boca”, “vem aqui”, “pega a colher”, etc. 

Depois inicia-se uma comunicação um pouco mais elaborada, que é quando a criança consegue se comunicar mesmo sem saber como se expressar 100% dentro do idioma. Ela consegue elaborar frases pequenas, ainda sem ter ido à escola, aprendido sobre sujeitos, verbos e predicados.

Só depois de ouvir muito, entender o contexto, de muita repetição e de se expressar, mesmo sem conhecer tudo do idioma, é que a criança vai à escola para aprender outras habilidades como leitura e escrita.

Por isso a dificuldade de algumas pessoas ao aprender idiomas, logo de cara são apresentados à gramática, o verbo To Be, tempos verbais e outras estruturas que “vem contra” a natureza do aprendizado do idioma.

É claro que as associações gramaticais entre os idiomas encurta um pouco o caminho, o ponto aqui é mostrar que há outras possibilidades para complementar essas metodologias, como formas mais divertidas de aprender.

Quantas vezes utilizamos música como forma lúdica de ensinar o português às crianças? Por que não usar no Inglês? Reforço, não é obrigação, essa técnica precisa fazer sentido e ter propósito pra sua necessidade.

Se você gosta de música, se você curte uma banda, um artista, se você é cantor de chuveiro ou dirige cantarolando, pode ser muito enriquecedor para o seu aprendizado. Uma das coisas mais importantes que a música tem a oferecer é o valor do entretenimento, ao tornar a linguagem mais prazerosa e envolvente. 

Fornecer para alunos música, ritmo e melodia, com letras cativantes e metodologias criativas, cria uma sensação de satisfação naqueles que temem as dificuldades da língua estrangeira. 

Quanto mais você ouve, melhor você vai falar. 

Quer saber alguns benefícios de incluir música nos seus estudos de Inglês? Lá vai:

  • Manter a motivação
  • Tornar o aprendizado mais dinâmico
  • Praticar as 4 habilidades
  • Corrigir a pronúncia
  • Acostumar o ouvido com os linked songs
  • Ver estruturas gramaticais em contexto
  • Aprender novo vocabulário
  • Ver gírias e abreviações

Então, saiba como incluir música no seu cronograma de estudos com as dicas abaixo, dê o play e divirta-se! 

Quais são os Passos para Aprender Inglês com música, na prática?

Agora que você já sabe dos benefícios de aprender inglês com música, veja quais são os passos para começar!

É importante escolher uma música que gosta muito, e que não cante rápido demais, principalmente se está começando no idioma, pois precisa compreender bem a pronúncia das palavras.

  • Ouça a música em inglês
  • Agora ouça novamente, prestando atenção nas palavras
  • Ouça de novo lendo a letra em inglês
  • Com a ajuda de um dicionário, pode ser físico ou digital, vá traduzindo as palavras e escrevendo o que entender da música em portugues
  • Compare sua tradução com uma tradução da internet e veja se sua tradução está indo pelo caminho certo
  • Agora ouça a música tentando realmente entender o que a música fala, e lendo a tradução correta
  • Ouça a música sem ler, agora você já conhece o contexto

Você ouvirá a música em torno de 5 a 6 vezes nesta prática de estudos, mas pode e deve fazer muito mais.

Faça isso até entender bem a música em inglês, cante junto para treinar a pronúncia e se divertir ao mesmo tempo!

Quando estiver bem familiarizado com esta música, procure outra e faça a mesma coisa, assim você vai aumentando o vocabulário, naturalmente, treinando o listening, writing e pronúncia.

*Dica: coloque todas as músicas que for estudando em uma playlist para ouvir sempre, e não esqueça que a constância e persistência fazem toda a diferença!

**Atenção: Lembre-se de que a tradução raramente será literal. Há expressões, phrasal verbs, gírias e algumas junções de palavras que isoladas, não fazem sentido. Portanto, olhe sempre o contexto.

Dá para aprender em torno de 50 palavras ao estudar uma música. É uma ótima oportunidade de ver muito vocabulário e estruturas, principalmente, entender, na prática, como o inglês é usado no dia a dia pelos nativos.

Isso porque a música é manifestação cultural, portanto carrega muitos aspectos culturais do idioma.

Veja um exemplo de como estudar inglês com música neste artigo.

Outra atividade muito dinâmica e divertida para fazer com música é usar o Lyrics Training para praticar. Depois que você já tiver entendido bem o contexto da música, cantado em voz alta, lido a letra. Busque a música no aplicativo e divirta-se.

O Lyrics Training reproduz a música e mostra a letra com algumas palavras faltando, você precisa digitar (versão web) ou selecionar (versão app) a palavra para preencher a lacuna, com o que é dito naquele trecho.

Há pontuação, ranking e tudo mais. Um jeito bem legal de testar seu ouvido e escrita.

Ah, e conforme você for progredindo no idioma, pode aumentar o nível de dificuldade no aplicativo e escrever a letra completa da música, que tal einh?!

Se você está em busca de algo mais aprofundado do conteúdo das letras musicais, sugiro que você conheça o Genius. Além de você escutar e acompanhar a letra ao mesmo tempo, você pode entender o significado da letra, expressões ou palavra em um contexto mais aprofundado, como por exemplo, qual a intenção do autor, contexto da produção da letra.

Quantas opções! Percebeu como usar música para aprender inglês pode ser muito produtiva?

Agora, mãos à obra! Coloque em prática essas dicas e conte-nos como foi essa experiência.


POSTS Relacionados

idiomas - curso gratuito
Idiomas

Aprenda Idiomas de Forma Acelerada – Curso gratuito | Kultivi

Conheça o curso Gratuito com método diferenciado e foco na conversação, desenvolvido por poliglotas para acelerar o aprendizado de qualquer Idioma.

hangul-escrito-coreano
Idiomas

Alfabeto Coreano – Escrita, consoantes e Posição das Letras

Conheça o alfabeto coreano e suas consoantes, além da posição das letras e forma de escrita. Descubra como iniciar o aprendizado da escrita Coreana

aprender Libras
Idiomas

Aprender Libras: 5 Razões para você aprender a Língua de Sinais

Saiba porque aprender Libras pode garantir oportunidades profissionais, além de melhorar a comunicação e o contato com mais pessoas.