Como usar visualização de dados na sua Estratégia de Marketing

Como usar visualização de dados na sua Estratégia de Marketing

Giselle
Giselle
6 minutos de leitura
estrategia-de-marketing-infografico

Usar dados para contar uma história e atrair a atenção do público é uma tendência que veio para ficar. As técnicas de visualização de dados são cada vez mais populares e usadas para aumentar o engajamento em slides de apresentações, relatórios, postagens de redes sociais e outras formas de comunicação 

Profissionais de marketing contam com dados para respaldar argumentos e ganhar a confiança do público, mas os dados em si não contam uma história nem impactam o público. Na verdade, eles podem ser confusos e afastar as pessoas.

Por isso é necessário apresentar as informações de forma atraente, e usar recursos visuais é a melhor forma de fazer dados brutos terem sentido imediato para o público. A visualização de dados torna o conteúdo mais envolvente e memorável, pois o uso de gráficos de diversos tipos, ícones e cores dão hierarquia e sentido às informações. 

Além disso, ilustrações, fontes e outros recursos de design usados em um infográfico atrai a curiosidade do leitor, fazendo com que ele mergulhe no conteúdo e siga os passos da história que você quer contar com os números.


Sendo tão importante usar dados para contar histórias e impactar o público com argumentos sólidos, vamos ver a seguir como usar a visualização de dados na sua estratégia de marketing. 

Criando narrativas com dados

Com mais pessoas online, criar mais histórias memoráveis ​​se tornou uma prioridade – e os dados podem ajudar a contar essas histórias.

Coletar dados é apenas uma parte da estratégia de marketing e vendas – os dados precisam significar algo para o público e incentivá-lo a agir. Também há muito conteúdo disponível na internet, e para ficar acima do ruído as empresas precisam tornar seus dados mais fáceis de entender e mais impactantes.

A visualização de dados também é uma ferramenta importante para apresentar materiais internos. Veja como em uma avaliação de desempenho, por exemplo, os dados são uma forma rápida de apresentar resultados e fazer comparações com as metas e objetivos estipulados. 

modelo de infografico - narrativas com dados

Demonstrativos financeiros são outro tipo de material interno que comunicam melhor as informações às partes interessadas quando apresentados com o uso de visualização de dados. Veja este exemplo de demonstrativo financeiro que apresenta dados de forma atraente  e fácil de visualizar.

modelo de infográfico - demonstrativo financeiro

É importante ter sempre em mente que os números em si podem não significar muita coisa para o público – e é papel dos profissionais de comunicação atribuir significados a eles. A melhor maneira de fazer isso é criando imagens que mostrem conexões entre os dados.

De acordo com um estudo sobre marketing visual feito pela Venngage, 84% dos profissionais de marketing projetam visualizações de dados semanal ou mensalmente. Isso mostra o quanto os dados se tornaram necessários para as marcas.

Por causa desse crescimento constante na coleta e visualização de dados, os profissionais de marketing estão mais confiantes em sua capacidade de usar dados em campanhas de marketing.

Mas como os profissionais podem contar histórias usando dados? Veja a seguir algumas dicas práticas.

Visualização de dados na prática

Há inúmeros recursos visuais que podem ser utilizados para apresentar dados de forma impactante e facilmente compreensível. Alguns dos mais populares são:

  • Cronogramas
  • Gráficos de dispersão
  • Pictogramas
  • Gráficos de barras
  • Gráficos de pizza

Cada tipo de recurso para visualização serve a um propósito específico, mas uma das formas mais interessantes de apresentar dados é criando um infográfico com vários deles. 

Isso torna o conteúdo mais dinâmico e permite que você apresente informações mais abrangentes em apenas um conteúdo. Por isso, aproveite as ferramentas disponíveis na internet para criar gráficos e infográficos de maneira mais fácil e eficaz. 

Gráficos de barras e de setores são ideais para fazer comparações, enquanto um pictograma, ajuda a ilustrar porcentagens por meio de ícones repetidos, como no exemplo abaixo: 

modelo de infográfico para estrategia de marketing

Prestar atenção à importância de visualizar dados significa seguir algumas melhores práticas e ter um objetivo. É preciso o que o tipo de gráfico seja adequado ao assunto e às necessidades de seu público para que seus dados contem a história que você deseja e envolvam seus leitores. 

Aqui estão seis práticas recomendadas para criar visualização de dados.

Crie hierarquias visuais

As hierarquias são necessárias para que as pessoas leiam e interpretem seus dados. Hierarquias visuais são um componente-chave da narrativa de dados porque ajudam os leitores a criar contexto e padrões.                       

Já que você não quer escrever muito texto para explicar seu gráfico, as hierarquias são a melhor maneira de transmitir o contexto. Aqui estão as melhores maneiras de construir hierarquias visuais e contexto:                

  • Coloque elementos de cima para baixo
  • Agrupe informações por afinidade e tipo de visual a ser usado
  • Use cores variadas para conectar informações do mesmo tipo
  • Mescle ícones e diversos tipos de gráficos
  • Varie tamanho das fontes

Os usuários serão capazes de deduzir a relação entre dados e elementos se você usar os métodos acima. Veja um exemplo de visualização de dados que usa diversos tipos de gráficos, ícones, cores para tornar o visual atraente e as informações claras. 

modelo de infográfico - hierarquia visual

Dados confiáveis

Os benefícios da visualização são completamente perdidos se você não consegue obter confiança nas pessoas que veem suas informações. Ao criar seus recursos visuais, evite distorção, tanto quanto possível, seguindo estes métodos:                                   

  • Escolha tabelas e gráficos adequados aos seus dados
  • Seu visual deve incluir uma escala para dar contexto aos dados
  • Use todos os dados relevantes no visual; não deixe dados importantes de fora e não use informações que não sejam realmente necessárias ou interessantes

Mantenha as visualizações simples

Reunir dados requer muito tempo e esforço. Pode ser tentador criar visuais que expressem o máximo de informações possível. Mas essa mentalidade pode anular a eficácia da representação visual dos dados e sobrecarregar o seu público.

As visualizações devem ser simples e fáceis de entender — não é apenas uma tendência de design em 2021, mas mantém os leitores mais engajados.

Embora uma visualização complexa possa parecer sofisticada e interessante, se o seu público passar muito tempo tentando entendê-la, eles acabarão desistindo.

Limite o uso de texto

Se sua história de dados precisa de mais texto para entendê-la, é sinal de que o visual não foi bem projetado. Embora seja necessário algum texto no gráfico, ele não deve dominar a imagem.                                 

Os benefícios da narrativa baseada em dados residem no fato de que suas informações podem ser comunicadas por meio visual. Use elementos gráficos, como ícones e formas, e divida seus dados em pequenas partes para que sejam fáceis de transmitir.    

Use as cores com sabedoria nas visualizações

As cores têm muito a ver com a eficácia da narrativa de visualização de dados — elas podem ser usadas para destacar informações importantes em um gráfico e tornar os dados mais fáceis de entender e mais interessantes.

Muitas cores, como muita informação, podem sobrecarregar o público, mas ao usar poucas cores, você pode criar conexões visuais entre dados que não estão relacionados. Então use o mínimo necessário, mas não seja econômico demais, já que as cores também ajudam a categorizar as informações.           

Destaque dados 

Por mais que você queira que os usuários entendam os dados em um visual, seu objetivo é capturar a atenção deles o mais rápido possível. 

Mesmo os recursos visuais mais simples precisam de alguns pontos de destaques para chamar a atenção. Além disso, os destaques são uma ótima maneira de manter a integridade de sua história de dados.

Use uma cor de realce para destacar os dados relevantes ou aumente o tamanho da fonte ou do ícone para fazer o mesmo.                            

Ao destacar as informações mais importantes, você terá mais sucesso em atrair a atenção para o seu visual e contar a história de seus dados.

Conclusão

As empresas podem aproveitar a importância da narrativa de dados. Destacamos como a narrativa de dados pode fazer a diferença na forma como  o público entende o que você quer comunicar e como usar isso na sua estratégia de marketing

Os gráficos compartilham percepções e correlações que o público poderia não perceber sem eles. Para uma visão ampla dos principais tipos de gráficos e suas finalidades, veja o infográfico abaixo:

modelo de infográfico - estratégia de marketing

POSTS Relacionados

Carreira e Negócios

Como encontrar Boas ideias de conteúdo para Blog Post

Conheça os passos para encontrar ideias de conteúdo para seus Blog Posts. Como fazer a busca pelas palavras chave, e quais ferramentas utilizar.

video com foto e musica
Carreira e Negócios

Como fazer vídeos para Facebook Ads com Fotos e Música – Grátis

Vídeos são excelentes estratégias para atrair a atenção do seu público. Aprenda como criar vídeos de forma gratuita para seus anúncios no Facebook.

curso teoria musical
Carreira e Negócios

Curso Teoria Musical Gratuito | Conheça os Benefícios da Música

Curso de Teoria Musical Gratuito, Saiba Mais. Conheça neste artigo, os benefícios da música para a memória, criatividade, e produtividade.