Quando você entender a estrutura da prova OAB será mais fácil conseguir a aprovação

Para quem irá tentar a OAB pela primeira vez, além de estudar as disciplinas, é válido saber como a prova é organizada.

Hoje eu escrevo para sanar as dúvidas de alguns estudantes de Direito que não conhecem como a prova da ordem é estruturada.

Para começar, a primeira fase possui 80 questões objetivas que abrangem as 17 matérias contempladas no edital. São necessários 40 acertos para estar apto a realizar a segunda fase.

Já na segunda etapa, o candidato pode escolher uma disciplina de preferência para a redação de peça processual e quatro questões discursivas.

São necessários 6 dos 10 pontos para a aprovação na segunda fase.

Para facilitar o entendimento e ser mais objetiva, vou falar mais sobre a estrutura da prova objetiva.

 

Como é a primeira fase?

Já sabemos que são 17 disciplinas, no entanto, atenção aos detalhes. O número de questões por matéria varia, assim como, o peso que cada uma representa.

Pode não parecer, mas esta informação é muito importante para a sua preparação. Assim você consegue identificar seus pontos fortes e fracos e trabalhar com as dificuldades (isso vai ficar mais claro no decorrer do texto).

Contudo, na prova não há indicação ou marcação de quando começam e terminam as disciplinas. Apesar disso, a banca (FGV) tem mantido uma ordem para distribuição das questões por disciplina, ao longo dos anos.

Após resolver várias provas de edições anteriores fica fácil identificar essa ordem. Mas, para acelerar esse processo, elenquei a ordem que comumente tem aparecido na prova e o número de questões.

 

Ética Profissional – 8 questões – 1 a 8

Filosofia do Direito – 2 questões – 9 a 10

Direito Constitucional – 7 questões – 11 a 17

Direitos Humanos – 2 questões – 18 a 19

Direito Internacional – 2 questões – 20 a 21

Direito Tributário – 5 questões – 22 a 26

Direito Administrativo – 6 questões – 27 a 32

Direito Ambiental – 2 questões – 33 a 34

Direito Civil – 7 questões – 35 a 41

ECA – 2 questões – 42 a 43

CDC - 2 questões – 44 a 45

Direito Empresarial – 5 questões – 46 a 50

Processo Civil – 7 questões – 51 a 57

Direito Penal – 6 questões – 58 a 63

Processo Penal – 6 questões – 64 a 69

Direito do Trabalho – 6 questões – 70 a 75

Processo do Trabalho – 5 questões – 76 a 80

 

Sugiro que no dia do exame, você comece a resolver as questões de Ética primeiro, por dois motivos. Pelo peso que representa na nota e por ser uma disciplina menos complexa.

Na sequência, resolva as questões das disciplinas que você tem mais afinidade, que se sente mais seguro.

Essas estratégias te farão economizar tempo, porque como você está mais preparado para responder, demandará menos esforço da mente.

Como resultado, no final da prova, você terá mais tempo para responder as questões que considera mais difíceis e para aquelas que ficou em dúvida.

Lembre-se são 80 questões com 4 alternativas cada. A FGV, banca organizadora da prova, costuma apresentar enunciados longos e cansativos. Porém, não apresenta um padrão de complexidade, há questões fáceis e difíceis. Tudo isso em 5 horas.

Descubra como ser aprovado na primeira fase da OAB seguindo 10 dicas.

 

Conheça os grupos de matérias por relevância

 

Podemos dividir as matérias e o número de questões por grupos de relevância.

Na primeira divisão ficam as disciplinas que representam 58,75% da prova, totalizando 47 questões. E por isso você deve focar neste grupo, já que acertando elas você já estará aprovado.

 

São elas:

Ética Profissional

Direito Civil

Processo Civil

Direito Constitucional

Direito Administrativo

Direito Penal

Processo Penal

 

No segundo grupo, as matérias que totalizam 21 questões, ou seja, 26,25% da prova. São elas:

Direito do Trabalho

Processo do Trabalho

Direito Tributário

Direito Empresarial

 

O terceiro grupo, as matérias de menor relevância, representam 15% da prova com 12 questões. São elas:

Direitos Humanos

Direito Internacional

ECA

Direito Ambiental

Direito do Consumidor

Filosofia do Direito

 

É claro que você precisa estudar as 17 disciplinas cobradas no edital, porém, cada uma de acordo com sua relevância.

 

Como deve ser a preparação para a prova

 

Como são necessários 40 acertos para a aprovação, eu sugiro que você treine com provas anteriores e contabilize seus erros e acertos em cada disciplina.

Durante sua preparação, com base na informação dos grupos acima, dedique-se a acertar o máximo de questões possíveis do primeiro grupo, aquele com maior peso na prova.

Após fazer vários simulados você também conseguirá identificar quais tópicos são recorrentes de cada disciplina.

No entanto, caso prefira um plano de estudos pronto para a OAB, com os tópicos recorrentes já identificados, baixe este ebook gratuito.

 

Espero que este artigo seja útil para sua aprovação.

 

Até o próximo.

por Bruna da Silva

_relacionados