Dicas de quem tirou nota máxima na redação do Enem

Ter sido um bom aluno de português no ensino médio não é determinante; muita leitura e treino ajudam no bom desempenho

Prestar o exame antes como treineiro, ler sobre assuntos diversos diariamente, escrever dissertações semanalmente. Estas foram algumas das práticas em comum entre os estudantes que conseguiram um feito raro: tirar a nota máxima na redação do Enem.

“O bom desempenho na redação é fruto de muito treino”, opina Caio Koga, de 21 anos, que conseguiu os 1.000 pontos em 2015, mas havia prestado a prova nos três anos anteriores também.

Atualmente aluno de medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), ele fez cursinho pré-vestibular no Anglo, e, durante seis meses, frequentou também aulas específicas de redação. “Aprendi técnicas de introdução, desenvolvimento e conclusão que tentava aplicar semanalmente nas redações que escrevia”, conta ele, que acredita que ser coeso é o mais difícil, enquanto obedecer à norma-padrão de escrita do português é o mais fácil entre os critérios avaliados pelos professores corretores.

Para Marina Amorim, de 19 anos, que também tirou nota máxima em 2015, compreender o tema da redação é simples, mais complicado é propor uma solução para o problema social apresentado. “Essa é a parte mais complexa, pois deve estar articulada com o restante do texto. Conseguir articular a argumentação, a solução e o detalhamento é, na minha opinião, o mais difícil do texto.”

E não tem segredo, para construir a argumentação, é preciso ter repertório, que vem de leitura de jornais, blogs e até páginas do Facebook, contam os estudantes.

Marina, que fez colégio e cursinho Poliedro e hoje estuda medicina na Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), comenta que, além de produzir pelo menos uma redação por semana, buscou treinar o tempo, tentando terminar o texto sempre, no máximo, em uma hora.

 

 

Fonte: VEJA

http://veja.abril.com.br/educacao/dicas-de-quem-tirou-nota-maxima-na-redacao-do-enem/

_relacionados

Copyright @2017 Kultivi Produção e Edição de Conteúdo Ltda - CNPJ: 28.186.806/0001-35 - Contato: contato@kultivi.com

Copyright @2017 Kultivi Produção e Edição de Conteúdo Ltda
CNPJ: 28.186.806/0001-35
Contato: contato@kultivi.com